27 de mar de 2016

Resenha - A Reação

SINOPSE
Após a terceira guerra mundial, um governo internacional aflora das cinzas e da lama, decretando o fim de todas as religiões.
Cristãos sufocados pela repressão organizam-se em movimentos clandestinos. O Dr. Paul Stepola é convocado para descobri-los e aniquilá-los. No entanto, surpreendido por eventos sobrenaturais, ele experimenta uma dramática conversão, iniciando uma perigosa tarefa de agente duplo. O movimento cristão underground ganha força. Seus clamores chegam ao Todo-Poderoso, que impõe uma severa penalidade à cidade de Los Angeles.
Em minutos, esse acontecimentos são conhecidos em todo o mundo. Os cristãos animam-se diante da repercussão, e o governo central internacional empreende uma violenta reação, iniciando o que se tornaria conhecido como a Guerra de Guerrilha Cristã - sob pena de serem executados, cidadãos em todo o planeta são obrigados a declarar-se favoráveis ao banimento de todas as religiões. Será o fim do cristianismo?
Os acontecimentos de A Reação ocorrem um ano depois do milagre em Las Vegas, e posso dizer com firmeza que o livro já começa cheio de "tretas". Como o salto no tempo foi bem grande entre o primeiro e o segundo livro, o capítulo um nos dá um parecer geral da situação de Paul com os outros personagens.

Primeiro vemos o seu medo em ser descoberto como um agente duplo, o que poderia lhe custar a vida. Depois vemos a melhora que a presença de Deus exercera em sua vida e em seu casamento neste um ano, porém, apesar de Jae gostar do "novo Paul" e se esforçar para entender o porquê de tanta mudança, ela ainda desconhece a verdade sobre sua conversão.
A partir daí, inicia-se os grandes acontecimentos do livro.

É difícil pra mim falar de um livro tão fascinante sem dar spoiler (~  T _T)~
A Reação é ainda melhor que o primeiro livro e não sei nem como expressar minha empolgação em palavras. A escrita de Jerry continua fluida e fácil de entender, a história é frenética, com uma tensão muito grande até para as partes que poderia considerar com pouca adrenalina.

Paul já trabalha como agente duplo a bastante tempo, mas aqui as coisas começam a ficar realmente difíceis. Todo gato é pardo quando se é um cristão trabalhando para um governo contrário a religião, nosso agente duplo não sabe em quem confiar e eu também não sabia, tinha a impressão que ele seria descoberto a qualquer momento e meu coração quase saltou pela minha boca todas as vezes que isso aconteceu... Foi muito angustiante kkk.

Lembram-se que Jae, a esposa, não teve participação muito significativa no primeiro livro? E que eu comentei que, provavelmente, ela teria papel mais importante no segundo volume? Pois bem, aqui ela está bem mais ativa e envolvida na história... Gostei de conhecê-la melhor. O envolvimento de Jae acaba aumentando o risco de Paul em ser descoberto e para não dar spoiler, só posso dizer que AMEI o que acontece com ela no enredo (sério, amei mesmo).

Aqui conhecemos novos personagens secundários, mas não admirei nenhum deles em especial. Bia Balaam aparece somente uma vez em A Reação, mas eu gostei do lado da Bia que o autor me apresentou, um lado mãe e eterna admiradora dos filhos. Mesmo sendo uma nítida vilã para os cristãos, tenho que admitir que ela tem o seu lado meigo e humano, falta apenas passar para o lado bom da força hahaha.

Em compensação, Ranold é o vilão dos vilões! Trabalhando em prol da ONP, ele joga sujo para atingir seus objetivos, sendo capaz até de colocar uma mulher contra o seu próprio marido...

Como dito na sinopse, a ONP internacional organiza uma grande reação ao milagre de Los Angeles, um decreto onde todo e qualquer indivíduo declara ser a favor do banimento da religião e com isso, aquele que não o assinar será considerado um cristão e consequentemente condenado a morte...
Essa minúscula revelação não chega nem a ser um spoiler perto do que você vai encontrar no enredo, pois diante desse novo conflito, os cristãos novamente se unem em busca de uma intervenção divina e, mesmo que alguns acreditassem que não iria acontecer, Deus realmente estende sua mão sobre o planeta inteiro, com algo que eu realmente não esperava acontecer.

Para encerrar, só posso dizer que vale muito a pena conferir!
Opinião Final: Se você procura uma boa ficção evangélica, eis aqui um prato cheio! O primeiro livro já era bom, o segundo é ainda melhor. Recomendadíssimo...
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário